Blogs

A contratação gigante do Grêmio chegou: Douglas Costa

Atacante deixa a Europa e volta para casa com muita lenha para queimar e tem tudo para fazer diferença no futebol brasileiro

Douglas Costa, um jogador que representa o torcedor gremista de arquibancada em campo

Douglas Costa, um jogador que representa o torcedor gremista de arquibancada em campo

O fim de semana do torcedor do Grêmio começou de uma maneira fantástica: com a confirmação (já se comentava a contratação há uma semana) de que Douglas Costa está de volta ao clube. Uma contratação gigante, de um atleta indentificado com o clube, que decidiu voltar da Europa ainda com 30 anos e que tem qualidade para fazer total diferença no futebol brasileiro.

Parando para analisar a capacidade geral de Douglas Costa, no um-contra-um, na velocidade, nos desmarques, na qualidade ao servir os companheiros e também aparecendo na cara do gol, entendo que o jogador chega para ser um dos melhores jogadores do país, possivelmente o melhor. É isso que o Grêmio agrega ao repatriar um jogador formado no clube e que nesses 11 anos sempre esteve namorando essa volta.

É evidente que para realizar isso Douglas Costa vai precisar estar em campo. Recentemente foi uma dificuldade na Juventus e no Bayern de Munique por causa das lesões. O novo atacante do Grêmio não conseguiu entrar em campo pelos menos 30 vezes nas últimas três temporadas (foram 25, 29 e 22 jogos, respectivamente, com um total de cinco gols e sete assistências nessas partidas).

É algo que precisará ser trabalhado pelo departamento físico e médico do Grêmio, em especial considerando a exigência do calendário brasileiro. Mas temos alguns exemplos recentes de jogadores que se machucavam muito na Europa e que se machucaram menos por aqui, como Renato Augusto e Alexandre Pato. Conversei com uma pessoa do departamente de futebol do Grêmio e o ouvi que um planejamento detalhado de prevenção de lesões para Douglas Costa já está pronto.

Além de trazer um ídolo, alguém que representa de verdade o gremista de arquibancada em campo, a volta de Diego Costa é materialização de que o Grêmio está muito forte financeiramente, na condução segura e eficiente do presidente Romildo Bolzan. Nos últimos tempos o Grêmio pensou grande em alguns nomes que acabaram não se concretizando por alguns detalhes. Os memes apareceram, como é normalmente nos dias de hoje. Mas eles não mudavam o fato de que o Tricolor Gaúcho estava pronto para fazer um movimento grande. E o movimento foi gigante e está aí: Douglas Costa voltou!

Comentários