Champions League

Presente da irmã e aposta com aluno: o que levou brasileiros a Paris para ver Liverpool x Real Madrid

TNT Sports Brasil conversou com dois torcedores que estarão presentes na decisão e têm histórias curiosas de como irão a Paris

Por Gabriel Menezes

1399415635(UEFA)

1399415635 | UEFA

A final da Champions League será em Paris, neste sábado (28), mas o Brasil estará representado, seja dentro de campo - com muitos brasileiros atuando por Liverpool e Real Madrid - seja fora das quatro linhas, nas arquibancadas, com torcedores que chegaram à cidade para assistir à decisão de maneira curiosa.

A TNT Sports Brasil conversou com dois brasileiros que estarão na final da Champions para falar sobre o jogaço e entender como eles conseguiram garantir sua vaga num dos maiores espetáculos do mundo.

E se você não estará no Stade de France, você pode assistir à final a partir das 13h30 deste sábado (28) na TNT e na HBO Max!

Você assiste a TODOS os jogos da Champions AO VIVO no HBO MAX! Clique aqui e assine!

Fernando Gouveia: Ganhou a melhor aposta da sua vida

Brasileiro que mora na Espanha, Fernando Gouveia é professor de tênis e mora em Barcelona. Apesar de estar na Catalunha, torce para o Real Madrid e fez uma aposta inocente com um de seus alunos, torcedor do Liverpool, antes das semifinais: se um dos dois times vencesse a Champions League, o torcedor do time campeão ganharia um refrigerante do outro. Simples, né?

No entanto, após o jogo de ida das semifinais, esse mesmo aluno mudou de ideia em relação à aposta, como conta Fernando:

"Ele me falou: 'Olha só, vamos mudar tudo. Vamos fazer o seguinte. Se o Manchester City ganhar do Real Madrid, você tem que me dar mais meia hora de aula grátis de tênis todos os dias em maio'. Virei pra ele e falei 'ok, mas e se o Real Madrid ganhar?'. Ele virou pra mim e falou 'não, é impossível. Se o Real Madrid ganhar eu pago a entrada da final da Champions League e o voo de Barcelona, ida e volta'. Eu alucinei. Virei na mesma hora e falei: 'Fechado'".

Apesar de ser torcedor do Real Madrid, Fernando já marcou presença no Camp Nou para jogos do Barcelona (Foto: Arquivo Pessoal)

Fã de Marcelo, Fernando afirma que um cenário ideal seria o Real Madrid estar vencendo o Liverpool e, nos minutos finais, Ancelotti colocar o brasileiro em campo - já que ele dificilmente será titular - para levantar a taça, como forma de homenagem aos 15 anos de clube que o lateral tem.

Dono de alguma experiência nos estádios europeus, Fernando já teve a oportunidade de assistir a um jogo da Champions League, entre Barcelona e Dínamo de Kiev, nesta edição da competição. E compara a execução do hino do torneio a dois outros momentos marcantes em sua vida.

"O primeiro é quando eu era pequeno e fui no Maracanã. Ver a subida do Vasco, com 81 mil pessoas no Maracanã, aquela multidão... Eu me arrepiei. E depois eu fui ter duas outras experiências há pouco tempo. Eu fui a Portugal ver Portugal x Turquia, pela repescagem para a Copa. E quando você olha e tá todo mundo cantando o hino de Portugal é incrível, é uma sensação espetacular. A última, é essa, quando entram os jogadores e você escuta o hino da Champions. É coisa de sonho. Você acha que aquilo não existe, né? Mas você tá ali naquele lugar, com aquele som. É indescritível o sentimento. É coisa de outro mundo."

O palpite pra final? Fernando cravou 2 a 1 para o Real Madrid, com gols de Rodrygo e Benzema para os merengues. Luis Díaz descontaria para o Liverpool. Mas ele mesmo avisa que nem precisa acertar esse palpite: "Já acertei a mais importante".

 
Real Madrid 3x1 Manchester City: Rodrygo faz milagre e Real vai à final da Champions League

Filippo Pacheco: Viagem programada "em cima da hora" e irmã generosa

Se Fernando ganhou o ingresso de um aluno por meio de uma aposta, o de Filippo - esse morador do Rio de Janeiro - foi um presente mesmo. Como seu aniversário será no domingo (29) logo após a final, ele fez o pedido de aniversário para sua irmã, Paula, que lhe deu o presente.

"Pedi muito pra minha irmã, pra ela me dar a final da Champions de presente de aniversário, se ela conseguia algo. A viagem foi planejada muito em cima da hora, a gente decidiu quando mudou [o local da final]. Achamos que ficaria mais em conta em Paris do que na Rússia, mas acaba que nem está ficando, porque tá rolando Roland Garros, então juntou e complicou tudo. Então estou juntando todas as economias e falei 'ah, vamos que vamos', a lembrança vai ficar, né? A emoção e tudo... Vai ser super legal."

Filippo e Paula, já em Paris; irmãos estarão em lados opostos da final (Arquivo Pessoal)

Para Filippo, que ainda não tem o ingresso da final em mãos, ouvir o hino da Champions vai ser a confirmação de que tudo deu certo e de que ele realmente conseguiu realizar um sonho.

Deve ser emocionante assistir o hino da Champions, é praticamente um hino nacional, né? Acho que quando eu ouvir o hino da Champions vai cair a ficha de que eu estou num dos maiores eventos do mundo. Tô muito na expectativa."

Apesar de não ser torcedor de nenhum dos times que estão na final - Filippo simpatiza mais com o Manchester City - ele indica que torcerá para o Liverpool e acha que verá uma disputa por pênaltis decidida por Alisson.

"Eu estou indo mais pra assistir o espetáculo. Acho que vai ser 2 a 2 e aí, nos pênaltis, acho que o Alisson pega um. Se tivesse que apostar em alguém pra perder, apostaria no Carvajal", afirmou o brasileiro.

 
Darwin Núñez pega de primeira e Alisson faz uma grande defesa
Comentários