Futebol Brasileiro

EXCLUSIVO: Jandrei comemora sequência e quer marcar nome no São Paulo com Copa do Brasil

Goleiro atendeu a reportagem da TNT Sports com exclusividade nesta sexta-feira (13)

Por Priscila Senhorães

Jogador é um dos homens de confiança de Rogério Ceni(Rafael Assuncao/O Fotografico/Gazeta Press)

Jogador é um dos homens de confiança de Rogério Ceni | Rafael Assuncao/O Fotografico/Gazeta Press

Jandrei vem sendo um dos homens de confiança de Rogério Ceni. Apesar do revezamento que o técnico vem fazendo na temporada, o goleiro atuou em 21 dos 29 jogos do São Paulo até aqui. Em entrevista exclusiva à TNT Sports, o goleiro comentou sobre sua - ainda breve - história com a camisa Tricolor desde a sua chegada.

"Minha relação com o São Paulo está sendo maravilhosa, um período bom pra mim, onde consigo jogar e ter sequência. A gente vem numa crescente, são alguns meses e já estamos batendo quase 30 jogos no ano, mas estou aproveitando ao máximo para que possa crescer e ajudar cada vez mais o São Paulo", disse o goleiro, que exaltou a união do time são-paulino.

"Já falei várias vezes que é um grupo muito bom de se trabalhar, todo mundo se ajuda, todo mundo busca o crescimento um do outro e, assim, o crescimento do grupo. Todo mundo busca o mesmo objetivo", finalizou.

Na última quinta-feira (12), Jandrei foi o titular na partida que garantiu o São Paulo nas oitavas de final da Copa do Brasil. Em campo, Rogério Ceni mandou um time diferente do usual, com três zagueiros, e levou a melhor após profunda análise sobre o confronto de ida, que terminou empatado em 2 a 2.

"O Rogério armou a linha de três pelo encaixe na marcação, ele entendeu que era interessante no começo do jogo para neutralizar as jogadas deles. Com o balanço defensivo dos alas que estavam jogando e dos zagueiros, a gente conseguia encaixar a marcação da saída de bola e dificultar eles de jogarem. O time foi bem, foi seguro, eles tiveram poucas oportunidades de gol, acho que o grupo está de parabéns pela partida, pelo entendimento de como seria o jogo e de como deveríamos nos comportar pra podermos passar de fase", exaltou o jogador são-paulino, que comentou ainda sobre a comunicação do time dentro de campo, o que já foi pauta em algumas entrevistas de Rogério Ceni.

"A comunicação é importantíssima pra gente conseguir fazer encaixes. O jogo não é engessado, não são movimentos repetidos, temos que nos adaptar porque o adversário vai buscar saídas pra conseguir alguma jogada, alguma finalização. Temos que nos comunicar pra gente conseguir ajustar isso e minimizar as chances de gol. O time está se comunicando bem, todo mundo está falando e tem voz ativa dentro de campo para conseguirmos fazer os ajustes", revelou.

A classificação do time do Morumbi na Copa do Brasil empolga o torcedor por um simples motivo: É a única taça que falta na galeria do clube. A vontade de acabar com esse tabu, inclusive, não é presente apenas nas arquibancadas.

"A Copa do Brasil tem esse peso por conta do São Paulo nunca ter vencido, mas a gente tem um planejamento pro ano, que a gente vem conseguindo manter, que é permanecer nas três competições. Claro que é difícil manter o mesmo nível nas três, são jogos difíceis. Mas claro que a Copa do Brasil o São Paulo nunca venceu, então a gente entra querendo vencer, querendo avançar de fase até para colocar o nome na história do clube como o primeiro time que venceu, mas sem deixar de lado as outras. Queremos brigar até o fim em todas pra conseguir grandes coisas no ano e títulos."

Com a saída de Tiago Volpi do São Paulo confirmada, Jandrei é agora o único goleiro no elenco com larga experiência no futebol. Isso, no entanto, não preocupa o atleta, que vê os jovens goleiros Young, Thiago Couto e Rokenedy em crescente para futuras oportunidades.

"São goleiros de qualidade, a gente vê o crescimento deles no dia a dia, conversamos bastante, falamos sobre lances, como seria interessante defender. Todo mundo ali tem liberdade, falamos bastante para que a gente minimize nossos erros e cresça profissionalmente, e consequentemente ajude o São Paulo. Temos uma relação muito boa entre os goleiros, vejo crescimento em todos, tanto tecnicamente como pessoalmente para estarmos todos prontos quando precisarmos jogar" disse.

Confira outros trechos da entrevista exclusiva com Jandrei:

Sobre revezamento do restante do elenco

"Acho que todo mundo já entendeu que nosso ano vai ser assim. Vão ter trocas, momentos que você vai ser titular e em outros não para que possa descansar pra outra partida, pra não ter acúmulo de jogos e evitar lesão. Essa é a programação da comissão, pra chegar até o fim do ano com todo mundo e o menor número de lesões possíveis. Todo mundo tem que estar motivado e pronto pra quando entrar, dar seu melhor, ajudar o São Paulo e seguirmos nas três competições que temos."

Sobre voltar a disputar jogos seguidos no Estádio do Morumbi

"Para nós é muito importante, desde o Paulista eles nos abraçaram, nos incentivaram do começo ao fim, veio o Brasileiro e continuou a mesma coisa, então a gente vê que a torcida está junto com a gente, jogando em casa somos muito fortes. Vários jogos fora de casa eles foram em bom número também, em vários estádios longe. É agradecer o apoio e a confiança que estão depositando em nós e vamos tentar fazer grandes jogos para que dentro do Morumbi a gente seja forte e consiga as vitórias."

Sobre Campeonato Brasileiro

"Sabemos que é um campeonato difícil e de regularidade, a largada é importante, tem que começar bem, pontuar, e lá na frente, estando bem, a gente começa a planejar alguma outra coisa. Mas a gente se prepara para o próximo jogo, pensamos agora no Cuiabá para fazermos uma grande partida, conseguirmos uma vitória para subirmos de posição. O importante é fazer nosso trabalho, não se basear nos outros e pensar que eles estão tropeçando. Tem que pensar em fazer nosso papel bem feito para brigar lá em cima."

 
EXCLUSIVO: Antony fala sobre futuro e mostra carinho pelo São Paulo: 'Vou estar sempre torcendo'
Comentários