Futebol Brasileiro

Erros claros e poucas explicações levaram à queda de Gaciba, ex-Presidente da Comissão de Arbitagem

Ele não soube explicar alguns lances considerados inquestionáveis pela Confederação, como o pênalti marcado a favor do Flamengo nessa quinta-feira (11), contra o Bahia

Falta de explicações claras causou a demissão de Gaciba(Divulgação/CBF)

Falta de explicações claras causou a demissão de Gaciba | Divulgação/CBF

Na manhã desta sexta-feira (12), a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) demitiu Leonardo Gaciba, Presidente da Comissão de Arbitagem. Alício Pena Junior, que era o vice, assume interinamente o comando do cargo.

Conforme apurou a reportagem da TNT Sports, alguns lances que são inquestionáveis desagradaram a cúpula da CBF. Inclusive, aqueles em que o árbitro olhou o VAR e mesmo assim deu a marcação incorreta. Internamente, o ex-presidente Gaciba não conseguiu explicar tais equívocos, o que deixou a relação desgastada. Alguns exemplos são: 

  • Pênalti não marcado pro Galo contra o Atlético GO;
  • Gol anulado do Michael contra o Cuiabá;
  •  Pênalti não marcado pro Bahia contra o Juventude;
  •  Gol anulado do Rony na Vila Belmiro;
  •  Impedimento do Gabigol contra a Chape;
  •  O Pênalti marcardo a favor do Flamengo, contra o Bahia.

 

Confira a nota oficial da CBF na íntegra: 

"A Confederação Brasileira de Futebol informa que, nesta data, deu início a um processo de reformulação na estrutura da arbitragem brasileira, que começa com a substituição do comando de sua Comissão de Arbitragem.

O Presidente em exercício da CBF, Ednaldo Rodrigues Gomes, conversou com o Presidente da Comissão de Arbitagem, Leonardo Gaciba, nesta sexta-feira (12) e o entendimento mútuo foi pela necessidade de uma mudança, com a implementação de novos procedimentos visando maximizar os acertos e minimizar os erros de todos os envolvidos.

A CBF agradece a Leonardo Gaciba pelo empenho e pela forma altiva e incansável com que exerceu a Presidência da Comissão de Arbitragem da CBF.

Assumirá a função interinamente, até a conclusão das competições da temporada 2021, o atual Vice-Presidente da Comissão de Arbitragem, Alício Pena Júnior, a quem o Presidente Ednaldo Rodrigues parabeniza, desejando sucesso no cargo e colocando a estrutura da entidade à inteira disposição da Comissão de Arbitragem para o constante aperfeiçoamento e desenvolvimento da arbitragem nacional.

Comentários