Futebol Brasileiro

Jorge Jesus manda recado a Willian Arão e rasga elogios ao jogador do Flamengo

Técnico português aproveitou a marca de 300 jogos pelo clube alcançada pelo volante para parabenizar o atleta

Avatar del

Por Redação da TNT Sports

Jorge Jesus orienta Arão(Alexandre Vidal / Flamengo)

Jorge Jesus orienta Arão | Alexandre Vidal / Flamengo

Willian Arão completou 300 jogos pelo Flamengo no último sábado (15), contra o Fluminense, no Maracanã. Na última segunda-feira (17), a Fla TV aproveitou para homenagear o atleta que se tornou o jogador com mais partidas pelo clube do atual elenco. Dentre algumas pessoas que aparecem falando, uma delas é Jorge Jesus, português que conquisou a Copa Libertadores e o Brasileirão 2019 pelo clube. Veja o que ele disse:

O Arão era um patinho feio, mas depois da nossa chegada se tornou um jogador muito importante para aquilo que achávamos que o Flamengo tinha que ter como primeiro volante. Quando saímos do Flamengo, ele já era um ídolo da torcida, porque tem uma forma de jogar que todos os torcedores de qualquer equipe do mundo gostam. Ele se entrega para o jogo, é competitivo, é inteligente taticamente."

Jesus ainda destacou a versatilidade do atleta, que atuou em várias posições até chegar na zaga e passou por de tudo um pouco no Flamengo.

"Não é normal um jogador que era segundo volante passar a ser primeiro volante e, agora, um zagueiro. Ele é um jogador muito inteligente, com características especiais, que se adaptam a qualquer posição. Isso é tudo que um treinador quer. Quero dar os parabéns a ele e espero que ele continue defendendo essa camisa como faz, como dizem os torcedores do Flamengo, o Manto. Que seja muito feliz porque o Flamengo fica muito feliz de te ter também", completou o "mister".

Assistindo a tudo, Willian Arão ficou emocionado e falou um pouco sobre sua trajetória, e que se sente o homem mais feliz do mundo. Veja o que disse o volante:

"Eu fico emocionado já, até prometi que não ia chorar, mas com essas palavras... Eu sempre me dediquei para isso, minha sempre foi uma luta, sempre batalhando e conquistando meu espaço, e poder chegar a essa marca de 300 jogos com a camisa do Flamengo é um orgulho muito grande", afirmou Willian Arão. "Me veio a história na cabeça, de quando eu tinha sete ou oito anos e gostava de jogar vídeo game e futebol, me imaginando nos grandes estádios. Hoje eu vivo isso, em um grande time, ajudando meus companheiros, conquistando e batalhando. Me sinto muito realizado, me sinto o homem mais feliz do mundo", disse o atleta.

Comentários