Futebol Brasileiro

Marquinhos Cipriano revela detalhes de negociação com o Palmeiras

Jogador de 21 anos, revelado pelo São Paulo, foi vetado pelo Shakhtar Donetsk, clube ucraniano, por motivos de lesões e pandemia da Covid-19

Avatar del

Por Redação Esporte Interativo

1/2
Jogador de 21 anos, Marquinhos Cipriano comenta possibilidade de jogar no Palmeiras(Vladimir Sindeyeve/NurPhoto)

Jogador de 21 anos, Marquinhos Cipriano comenta possibilidade de jogar no Palmeiras | Vladimir Sindeyeve/NurPhoto

Jogador de 21 anos, Marquinhos Cipriano comenta possibilidade de jogar no Palmeiras(Vladimir Sindeyeve/NurPhoto)

Jogador de 21 anos, Marquinhos Cipriano comenta possibilidade de jogar no Palmeiras | Vladimir Sindeyeve/NurPhoto

Marquinhos Cipriano, meia-atacante e lateral-esquerdo do Shakhtar Donetsk, deu detalhes de como foi a negociação com o Palmeiras que ocorreu no mês de outubro deste ano. 

Em entrevista concedida ao 'globoesporte.com', Cipriano comentou sobre o veto do clube ucraniano, realizado por motivos de acúmulo de lesões do atleta de 21 anos e pelo momento de Covid-19 vivenciado pelo mundo, afirmando que enxerga toda a situação como um 'saldo positivo'. 

"Não fiquei frustrado, fiquei feliz pela disputa de alguns clubes interessados no meu futebol. A conversa foi diretamente entre os clubes, então não tive contato com ninguém do Palmeiras. Nenhuma frustração de não ter rolado. É sinal de que meu trabalho tem sido bem realizado".

Revelado pelo rival São Paulo, o meia não descarta defender as cores do alviverde em algum dia de sua carreira.

Se tiver a oportunidade um outro dia, não seria nenhum problema. Em qualquer clube que esteja, sempre vou dar o meu melhor e fazer o melhor. Sou profissional em relação a isso”, afirmou. 

Comentários