Futebol Brasileiro

Presidente do Corinthians vai à CBF pedir áudios e imagens do VAR

Duilio Monteiro Alves, presidente do Corinthians, escreveu em seu Twitter que o Corinthians se sentiu prejudicado pela arbitragem na derrota por 2 a 1 contra o Flamengo pelo Brasileirão, no Maracanã

Avatar del

Por Redação da TNT Sports

Corinthians reclamou do gol de Gabigol, em que a arbitragem marcou impedimento e, após a verificação do VAR, validou o gol(Getty Images)

Corinthians reclamou do gol de Gabigol, em que a arbitragem marcou impedimento e, após a verificação do VAR, validou o gol | Getty Images

O Corinthians pediu à CBF para que a entidade libere os vídeos e áudios do VAR por se sentir prejudicado no jogo contra o Flamengo, no último domingo (14), pelo Brasileirão. O anúncio foi feito por Duílio Monteiro Alves, presidente do Corinthians, em seu Twitter.

Quer assistir a jogos exclusivos do Brasileirão Séria A? Então, clique aqui e assine o Estádio TNT Sports!

"Diante do que vimos ontem no Maracanã, voltamos a protestar à CBF, pedindo de novo os áudios e imagens do VAR para verificar a linha traçada no segundo gol do Flamengo e os amarelos dados sem critério. É o que sempre fazemos, quando o clube se sente prejudicado", garantiu.

O Alvinegro reclamou do gol de Gabigol, em que a arbitragem marcou impedimento e, após a verificação do VAR, validou o gol. Sem a tecnologia da linha, a imagem gerou dúvidas e discussões nas redes sociais.

 
EXCLUSIVO: Pochettino lamenta ausência de Neymar de jogo contra o Barça e exalta Messi
Comentários