Futebol Brasileiro

Presidente do Grêmio critica: 'Hoje nós fomos muito prejudicados pela arbitragem'

Romildo Bolzan Jr. afirmou que expulsão de Jhonata Robert contra o Flamengo foi injusta

Avatar del

Por Redação da TNT Sports

Romildo Bolzan concedeu coletiva após empate com o Flamengo I Foto: Reprodução

Romildo Bolzan concedeu coletiva após empate com o Flamengo I Foto: Reprodução

O presidente do Grêmio, Romildo Bolzan Jr, condedeu uma entrevista coletiva após o empate em 2x2 com o Flamengo, na noite desta terça-feira (23), e criticou duramente a arbitragem da partida. Segundo o mandatário, a expulsão do meia Jhonata Robert aos 14 minutos da etapa final "não poderia ter ocorrido" com a presença do VAR e o Tricolor "foi prejudicado" por isso.

“Nós estamos vivendo uma triste sina de incompetência (na arbitragem brasileira).”

“Hoje nós fomos muito prejudicados pela arbitragem. Uma expulsão que não poderia ter ocorrido. Quando a arbitragem brasileira tem uma ferramenta como o VAR, não pode acontecer isso", comentou Romildo.

Com o empate com o Flamengo, o Grêmio permaneceu na 18ª colocação do Brasileirão, com 36 pontos, e agora está a quatro de sair da zona de rebaixamento. O Tricolor volta a campo para encarar o Bahia na próxima sexta-feira (26), às 19h (de Brasília).

Comentários