Futebol Brasileiro

Presidente do Sport se diz decepcionado com Lisca e dispara: 'Deveria ser banido'

Yuri Romão voltou a ser contundente ao falar do ex-técnico do Sport, que deixou o clube após três semanas para assumir o Santos

Avatar del

Por Redação da TNT Sports

Lisca foi apresentado no Santos nesta quinta (21)(Jota Erre, Photo Premium/Gazeta Press)

Lisca foi apresentado no Santos nesta quinta (21) | Jota Erre, Photo Premium/Gazeta Press

A saída rápida e repentina de Lisca do Sport, três semanas depois de acertar com o clube pernambucano, segue dando o que falar pelos lados do Leão da Ilha. Nesta quinta-feira (21), o presidente da equipe, Yuri Romão, voltou a falar de forma contundente sobre a atitude do treinador de ter deixado o Rubro-Negro para acertar com o Santos.

Em entrevista à 'Rádio Clube', Romão se mostrou decepcionado com Lisca e afirmou que ele "deveria ser banido do futebol." 

Ele deveria ser banido do futebol. Estou decepcionado com o ser humano. Uma pessoa que chega dizendo que era o maior sonho dele era dirigir o Sport e, em 15 dias, o sonho acaba. A gente fez um esforço enorme para trazê-lo e todo mundo sabe da nossa situação financeira", começou dizendo.

"Sabemos da capacidade técnica dele, mas não sabíamos do mau-caratismo. Mas isso está comprovado. Fico feliz porque recebi inúmeras ligações e mensagens de vários presidentes de clubes. A primeira ligação que recebi foi do presidente do São Paulo, Júlio Casares. Se solidarizou com o Sport e comigo, dizendo que eu me livrei de um mau caráter. Esse cara não fechou as portas somente ao Sport, mas para vários clubes, a exemplo do São Paulo", completou o presidente.

Lisca realizou apenas quatro partidas pelo Sport, sendo uma vitória e três empates, sempre sem tomar gols. Sua estreia pelo Santos será neste domingo (24), às 19h (de Brasília), contra o Fortaleza, no Ceará.

 
Comentaristas avaliam o patamar de Corinthians com o Yuri Alberto
Comentários