Futebol Brasileiro

TAS condena Atlético-MG no 'caso Terans'; Galo tem 45 dias para cumprir punição

Clube mineiro precisa pagar 828 mil dólares (quase R$ 5 milhões) ao uruguaio Rentistas; caso contrário, pode ser proibido de fazer contratações pelas próximas três temporadas

Avatar del

Por Redação da TNT Sports

Terans defendeu o Galo entre 2018 e 2019(Bruno Cantini / ATLÉTICO)

Terans defendeu o Galo entre 2018 e 2019 | Bruno Cantini / ATLÉTICO

Em período movimentado de contratações de peso para o elenco, o Atlético-MG recebeu uma punição do TAS (Tribunal Arbitral do Esporte) que liga um sinal de alerta na diretoria atleticana. O Galo foi condenado a pagar 828 mil dólares (aproximadamente R$ 4.690.371) ao Rentistas por Terans e tem 45 dias para exercer o pagamento.

Caso não pague o valor supracitado, o Atlético pode receber a punição de ficar três janelas de transferências sem poder contratar jogadores. A informação foi trazida pelo jornalista argentino César Luis Merlo, da 'TyC Sports'. 

Terans defendeu a instituição de Belo Horizonte entre as temporadas de 2018 e 2019, jogou 33 jogos e marcou dois gols. O uruguaio está emprestado ao Peñarol. O Rentistas é o clube formador do atacante de 26 anos.

Comentários