Imagem ilustrativa na TNT Sports

É agora que a história é escrita! Assista a TODOS os jogos do mata-mata da Champions League AO VIVO!

ASSINE JÁ
Melhor Futebol do Mundo

Após depoimento por insultos racistas, jornal de Valência chama Vini Jr de Pinóquio

Clube madridista avalia a capa como criminosa

Vini Jr é confrontado por árbitro da partida ao receber insultos racistas no jogo contra o Valência
Vini Jr é confrontado por árbitro da partida ao receber insultos racistas no jogo contra o Valência (Getty Images)

Por Redação da TNT Sports

Após Vinicius Jr. depor por conta dos insultos raciais sofridos na partida entre Valência e Real Madrid, a capa do jornal 'Superdeporte', da cidade de Valência, chamou o atacante brasileiro de Pinóquio.

CLIQUE AQUI E ENTRE NO GRUPO DE FUTEBOL EUROPEU DA TNT NO WHATSAPP!

A situação gerou irritação dentro do Real Madrid e o treinador Carlo Ancelotti, em coletiva nesta sexta-feira (06), partiu em defesa de Vini.

Se jogássemos amanhã no Mestalla, levaria Vinicius com certeza. Creio que o tiro está sendo desviado. Vinicius é a vítima. Tanto faz se são um, dois, mil ou 10 mil (torcedores), e os meios de comunicação que querem desviar o tiro me dão pena e raiva", afirmou Ancelotti.

Segundo informações do jornal 'As', a capa do jornal de Valência provou um "profundo mal-estar" no Real Madrid, que taxou a capa como "lamentável", "escandalosa" e que "beira ao criminoso".

Vini Jr foi chamado de Pinóquio por jornal 'Superdeporto', de Valência | Reprodução/Internet
Vini Jr foi chamado de Pinóquio por jornal 'Superdeporto', de Valência | Reprodução/Internet

Após o depoimento de Vini Jr, o Valência publicou ua nota afirmando que o atacante brasileiro estava mentindo em seu depoimento e solicitou uma retratação pública.

"O Clube tem plena consciência da gravidade deste assunto. O racismo não tem lugar no futebol nem na sociedade, mas não pode ser combatido com falácias ou mentiras infundadas. Esta questão exige o envolvimento de todos e o Valencia CF entende que deve ser escrupulosamente preciso e responsável neste tipo de manifestações."

No julgamneto, inclusive, os advogados dos acusados de racismo afirmaram que o motivo do brasileiro sofrer ataques racistas é por ser "provocador".

Relembre o caso:

Vinicius Jr. foi alvo de cânticos racistas ecoados pela torcida do Valencia. No final do segundo tempo, o atacante do Real Madrid se envolveu em uma confusão com Mamardashvili, goleiro da equipe adversária, e, após receber um mata leão de um adversário, o VAR viu que o brasileiro acertou um tapa no rosto do jogador e foi expulso.

O jogo chegou a ser paralizado por oito minutos no segundo tempo após o atacante do Real Madrid ser chamado por de "macaco" por torcedores. Vini Jr chegou a identificar um dos torcedores que proferiram os cânticos racistas. Os torcedores não sofreram punições na partida e agora respondem judicialmente.

Mais Vistas