Melhor Futebol do Mundo

Messi rebate presidente do Barcelona sobre saída do clube e admite 'querer voltar um dia'

Craque argentino negou que tenha negociado 'jogar de graça' pelos culés e comentou possibilidade de aposentadoria

Avatar del

Por Redação da TNT Sports

Messi falou que pretende retornar ao Barcelona um dia(2021 Getty Images, Getty Images Europe)

Messi falou que pretende retornar ao Barcelona um dia | 2021 Getty Images, Getty Images Europe

A saída de Lionel Messi do Barcelona chocou o mundo do futebol. Um dos maiores ídolos da história do clube catalão, o argentino deixou os culés em agosto para acertar com o Paris Saint-Germain. O fim da passagem de mais de 17 anos no Camp Nou ainda gera polêmica.

CLIQUE AQUI PARA ASSINAR A HBO MAX E ASSISTIR A TODOS OS JOGOS DA CHAMPIONS LEAGUE 2021/22!

Em uma longa entrevista ao diário 'Sport', Messi negou que tenha recebido um pedido do Barça para 'jogar de graça', rebatendo o que foi dito pelo presidente do clube, Joan Laporta. Segundo o craque, ele fez de tudo para permanecer na equipe e, inclusive, teria aceitado reduzir seu salário pela metade. 

A verdade é que, conforme expliquei na saída, fiz todo o possível para ficar, nunca em nenhum momento me pediram para jogar de graça. Pediram-me para cortar meu salário em cinquenta por cento e fiz isso sem nenhum problema. Estávamos em posição de ajudar mais o clube. O meu desejo e da minha família era ficar em Barcelona."

A fala de Laporta chateou o astro do PSG. Segundo Messi, o modo que o presidente do Barcelona tratou sua saída pode gerar dúvidas sobre sua conduta e carinho com o clube, o que na visão do argentino é injusto.

"Ninguém me pediu para jogar de graça, mas ao mesmo tempo me parece que as palavras que o presidente disse estão fora do lugar. Me machucam porque acho que ele não precisa falar isso, é como tirar a bola de cima de você e não assumir as consequências, ou assumir o controle das coisas. Isso faz as pessoas pensarem ou gerar um tipo de dúvida que acho que não mereço."

Apesar da situação, o amor de Messi pelo clube catalão não diminuiu. Questionado se um dia voltaria ao Barça, ele não hesitou e disse que pretende ajudar o Barça mesmo após aposentar as chuteiras.

Sim. Eu sempre disse que adoraria poder ajudar o clube no que pudesse ser útil e pudesse agregar e ajudar o clube a ficar bem. Eu adoraria ser um secretário técnico em algum momento. Não sei se vai ser em Barcelona ou não. Ou se for de outra forma. Se houver possibilidade, gostaria de voltar a contribuir no que puder porque é o clube que amo e adoraria que continuasse a ser bom, continuasse a crescer e seguir como um dos melhores do mundo."

Aliás, o assunto "aposentadoria" é algo que Messi ainda não planejou. Aos 34 anos, o atacante do PSG sabe que a carreira está perto do fim, mas prefere viver "um dia de cada vez".

"Não, na verdade não penso. Depois do que aconteceu comigo, vivo dia a dia, ano a ano. Não sei o que vai acontecer na Copa do Mundo ou depois da Copa do Mundo. Eu não penso nisso. O que quer que tenha que acontecer naquele momento, vai acontecer."

 
Com gols de Messi e Mbappé, PSG vence o RB Leipzig de virada; veja os melhores momentos
Comentários