Melhor Futebol do Mundo

'Não foi uma decisão econômica', diz presidente da LaLiga sobre saída de Messi

Javier Tebas revelou que conversou o presidente do Barcelona e o clube poderia ter buscado soluções

Avatar del

Por Redação da TNT Sports

Javier Tebas, presidente da LaLiga(Pablo Cuadra/Getty Images)

Javier Tebas, presidente da LaLiga | Pablo Cuadra/Getty Images

O presidente da LaLiga, Javier Tebas, falou sobre o episódio da saída de Lionel Messi do Barcelona, após 20 anos no clube. Em entrevista ao jornal 'Sport', o cartola revelou que conversou com Joan Laporta, presidente do Barça, e as partes poderiam ter conseguido encontrar uma solução para que o atleta renovasse o contrato.

"Discuti isso com Laporta pessoalmente, por telefone e com demais diretores do clube. Buscavam-se soluções, se o motivo fosse econômico. Se foi por outro motivo, não posso mais avaliar. Acho que na próxima temporada, com os números que o Barça apresentar, veremos se Messi poderia mesmo ter ficado ou não. E embora eu respeite a decisão do clube, você tem que contar as coisas como elas são. Não foi uma decisão econômica. Isso posso afirmar com segurança".

O problema encontrado pelo Barcelona no comunicado oficial da saída de Messi foi o "obstáculo econômico", já que o clube precisava reduzir sua folha salarial para não infringir o fair play financeiro da LaLiga. 

A solução oferecida pela LaLiga, por sua vez, foi a injeção de 270 milhões de euros pela CVC Capital Partners, fundo que comprou ações da liga. O clube, porém, não entrou no acordo e - portanto - não teve o aporte que poderia manter Messi no Barça.

Comentários